Objetivos

 

O Mestrado Profissional em Ensino de Ciências tem como objetivo primordial: o desenvolvimento profissional de professores de Física, Química e Biologia que atuam nos diferentes níveis de escolaridade (ensino fundamental, médio e superior), baseando-se na articulação entre experiência, conhecimento, ação pedagógica e investigação. Neste sentido, o curso se propõe a promover a ampliação dos conhecimentos científicos e tecnológicos, o aprofundamento dos saberes didático-pedagógicos, a capacitação para o desenvolvimento de pesquisas e produtos educacionais para o ensino de ciências e o desenvolvimento da autonomia e da reflexão da prática pedagógica.

Para cumprir esse objetivo geral por meio de um curso gratuito e de qualidade, foram definidos os seguintes objetivos específicos que visam:

i) contribuir para a capacitação dos alunos e alunas no que se refere ao conhecimento de conteúdos científicos e tecnológicos;

ii) contribuir para a capacitação dos alunos e alunas no que se refere aos conhecimentos pedagógicos sobre teorias de aprendizagem, metodologias de ensino, relações docente-discente, processos de ensino-aprendizagem;

iii) aproximar alunos e alunas da literatura em educação e ensino de ciências favorecendo a leitura de textos acadêmicos referentes a temas importantes para as diferentes pesquisas e para a educação científica;

iv) capacitar docentes para o desenvolvimento de ações e produtos educacionais que favoreceram um maior aproveitamento dos recursos e ambientes presentes em suas escolas ou cidades tais como: laboratório de Ciências, multimídia, computador, internet, livros paradidáticos, museus, parques, etc;

v) fomentar a criatividade para a criação/adaptação de abordagens metodológicas, como uso de diferentes materiais para as aulas práticas e experimentação em escolas e para o desenvolvimento de diferentes projetos educacionais;

vi) criar uma cultura de produção autoral acerca dos trabalhos desenvolvidos no programa incentivando a submissão de artigos ou trabalhos completos em periódicos e/ou anais de congressos;

vii) estreitar os laços de comunicação e cooperação com as redes públicas de ensino.